19/07/2013

Salões de Artes Visuais da Bahia começam dia 26 em Feira de Santana



A exposição ficará aberta ao público até 8 de setembro no Centro de Cultura Amélio Amorim

Será inaugurada no próximo dia 26 de julho, sexta-feira, no Centro de Cultura Amélio Amorim, em Feira de Santana, às 19 horas, a primeira etapa dos Salões de Artes Visuais da Bahia 2013, promovidos pela Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB), entidade vinculada à Secretaria de Cultura do Governo do Estado (SecultBA). A exposição reunirá um total de 27 obras de artistas originários das cidades de Salvador, Feira de Santana, Cachoeira, Amargosa e Araci, apresentando criações livres em 14 técnicas diferentes: pintura, instalação, fotografia, gravura em metal, videoarte, escultura, ilustração em técnica mista (grafite e nanquim), fotografia vernacular, performance, colagem sobre papelão, foto-performance, gravura(serigrafia), instalação fotográfica e fotografia digital.

A mostra permanecerá aberta ao público, com visitação gratuita, de 27 de julho a 8 de setembro, de segunda a domingo, das 10 às 20 horas. No dia da abertura, três obras entre as expostas serão premiadas com R$ 7 mil cada uma, escolhidas por um júri profissional. Também haverá premiações simbólicas: menções especiais e o Prêmio do Público, este concedido através do voto dos visitantes.

Em 2013, os Salões de Artes Visuais da Bahia completam 21 anos e, pela primeira vez na história do projeto, serão realizadas cinco exposições em cinco cidades-sede, cada uma pertencente a um Macroterritório de Identidade do estado: depois de Feira de Santana, os Salões acontecem em Teixeira de Freitas, de 16 de agosto a 29 de setembro; Lençóis, de 4 de outubro a 17 de novembro; Barreiras, de 25 de outubro a 8 de dezembro; e Vitória da Conquista, de 8 de novembro a 15 de dezembro. Todas as edições terão prêmios semelhantes em dinheiro, configurando a maior premiação do gênero no estado. Esta edição 2013 teve um recorde de inscritos: das 463 propostas apresentadas, os Salões vão expor um total de 110 obras selecionadas através de edital público, realizadas por 79 diferentes artistas.

Artistas e obras participantes do Salão de Artes Visuais de Feira de Santana
Yuri Ferraz, “Pintura sem título” (pintura); M.B.O., “Mansão das árvores” (instalação); Arthur Scovino, “Levando os elepês de Gal para passear” (instalação); Ricardo Alvarenga, “Rastros” (fotografia); João Oliveira, “De ladradoras e dentes ou do latim: pe(re)nnis (gravura em metal)”; Erivan Moraes, “Batizado” (fotografia); Caio Araujo, “La Danza de maquina” (videoarte); Lico Santana, “Ramificações futuras II” (escultura); Tiago Costa, (Ilustrações em técnica mista - grafite e nanquim); Elzinha de Abreu, “Akira” (fotografia vernacular); Misael Franko, “Recriação: o barro, a liberdade e a criatividade” (performance); Flávio Marzadro, “Sublimazione Teológica II” (pintura); Clarice Machado, “Sobre os outros que (não) somos” (colagem sobre papelão); Roberta Nascimento, “Grito Silencioso” (performance); Alex Oliveira, “Narrativas errantes” (foto-performance); Flávio Lopes, “Ensaios para os jardins de Monet” (videoarte); Coletivo ID(ENTIDADE), “Divino Imaginário” (fotografia); André França, “Imagens from the Black Box I # 38/39”(fotografia digital); Yasmin Nogueira, “Hom(em)cubo” (instalação-vídeo-performance); Viviane Viriato (Fotografia); Adriano C. Machado, Coletivo Entrecho, “Priguete 3 x 5,00” (gravura - serigrafia); Deisiane Barbosa, “A moça que desfiou” (performance); Gabriel Guerra, “Desjejum com Nanica e Papaya” (instalação fotográfica); Nelson Oliveira, “Solo Vado“ (fotografia digital); Mayra Lins, “Saturação” (instalação); Vladimir Oliveira, “Andando” (instalação); Pedro Juarez, “Lampião vence o jogo” (pintura).

Múltipla e contemporânea – Apresentar a diversidade da produção baiana em artes visuais, divulgar o trabalho dos artistas e estimular a reflexão sobre temas atuais da área são os objetivos dos Salões de Artes Visuais da Bahia, consolidados como um dos principais meios de incentivo à criação e difusão de produção artística e à dinamização dos espaços expositivos do interior do estado. Ao mesmo tempo, tal iniciativa se insere no planejamento das políticas públicas descentralizadas para as artes do Governo Estadual, promovendo um amplo diálogo entre o poder público e a sociedade civil. O projeto, lançado em 1992, antes chamado Salões Regionais de Artes Visuais da Bahia, com o novo nome – Salões de Artes Visuais da Bahia –, assume sua representação múltipla e contemporânea, que extrapola referências e características regionais.

A partir de 2012, os Salões passaram a acontecer também em cidades que não possuem um centro de cultura da Diretoria de Espaços Culturais (DEC) da SecultBA, o que restringia a circulação do evento a municípios contemplados com a existência destes centros. Este ano, por exemplo, a programação em Lençóis será realizada na Casa Afrânio Peixoto, gerida pela Fundação Pedro Calmon (FPC), além de espaços municipais de Teixeira de Freitas e Barreiras.

Exposição no MAM-BA – Os Salões – que são promovidos por meio de edital público de seleção e contam com comissões que incluem um profissional renomado de fora do estado – mobilizam todos os anos centenas de artistas de cidades distintas, com propostas de livre temática, abrangendo as mais diversas modalidades das Artes Visuais: arte e tecnologia, assemblage (colagens com objetos e materiais tridimensionais), cerâmica, colagem, desenho, design gráfico (ilustração, humor gráfico e quadrinhos), escultura, fotografia, grafite, gravura, instalação, intervenção urbana, objeto, performance, pintura, tapeçaria e videoarte. As obras premiadas este ano farão parte do Catálogo dos Salões de Artes Visuais da Bahia, publicação bianual de registro e divulgação. As três edições já lançadas do Catálogo (2007/2008, 2009/2010 e 2011/2012), além de suas versões impressas, estão disponíveis para download no site da FUNCEB (www.fundacaocultural.ba.gov.br).

Também os artistas premiados em 2013 mostrarão seus trabalhos em uma edição especial em 2014, no Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM-BA), no Solar do Unhão, em Salvador. Inclusive, o público já pode visitar, até o dia 1º de setembro, no MAM-BA, a exposição Esquizópolis, reunindo os 17 premiados e menções especiais dos Salões de Artes Visuais que aconteceram no ano passado.

Salões de Artes Visuais da Bahia 2013
Edição Feira de Santana
Exposição com 27 obras
Onde: Centro de Cultura Amélio Amorim (Av. Presidente Dutra, 2.222, Capuchinhos)
Abertura: 26 de julho (sexta-feira), às 19 horas
Visitação: 27 de julho a 8 de setembro, segunda a domingo, das 10 às 20 horas

Edição Teixeira de Freitas
Exposição com 20 obras
Onde: Centro de Cultura de Teixeira de Freitas (Rua Prudente de Moraes, 147, Centro)
Abertura: 16 de agosto (sexta-feira), às 19 horas
Visitação: 17 de agosto a 29 de setembro, segunda a domingo, das 9 às 12 e das 14 às 21 horas

Edição Lençóis
Exposição com 17 obras
Onde: Casa Afrânio Peixoto (Praça do Rosário, s/n, Centro)
Abertura: 4 de outubro (sexta-feira), às 19 horas
Visitação: 5 de outubro a 17 de novembro (horários de visitação a divulgar)

Edição Barreiras
Exposição com 21 obras
Onde: Palácio das Artes (Praça Castro Alves, Centro)
Abertura: 25 de outubro (sexta-feira), às 19 horas
Visitação: 26 de outubro a 8 de dezembro (horários de visitação a divulgar)

Edição Vitória da Conquista
Exposição com 25 obras
Onde: Centro de Cultura Camillo de Jesus Lima (Av. Rosa Cruz, 45, Recreio)
Abertura: 8 de novembro (sexta-feira), às 19 horas
Visitação: 9 de novembro a 15 de dezembro (horários de visitação a divulgar)

Quanto: Gratuito
Informações: 71 3324-8519 / saloes.artesvisuais@funceb.ba.gov.br
Produção: Mil Produções Artísticas
Apoio: Prefeitura Municipal de Barreiras/ Prefeitura Municipal de Lençóis/ Prefeitura Municipal de Teixeira de Freitas/ DEC/ Sudecult/ FPC
Realização: Dirart/ FUNCEB/ SecultBA

Informações à imprensa:
João Saldanha – Jornalista – DRT/BA 1171: jotasaldanha@hotmail.com / 71 8808-9179

------------------------------------------------------
Assessoria de Comunicação
Fundação Cultural do Estado da Bahia – FUNCEB
(71) 3324-8565/ 8566
Paula Berbert – paula.funceb@gmail.com | (71) 9127-7803
Nivia Cerqueira – comnivia@gmail.com | (71) 8808-2446

FUNCEB                                                                     AGENDA CULTURAL BAHIA
www.funceb.ba.gov.br                                      www.agendacultural.ba.gov.br
www.twitter.com/funceb                                               www.twitter.com/agendacultbahia

FUNCEB lança 2ª Chamada do Calendário das Artes 2013




Edital premia propostas das diversas linguagens artísticas a serem iniciadas entre 15 de outubro e 15 de dezembro deste ano e que incentivem o desenvolvimento das artes nos Macroterritórios da Bahia

De 21 de junho a 5 de agosto, estarão abertas as inscrições da 2ª Chamada do Calendário das Artes 2013, mecanismo de incentivo a projetos artísticos e culturais de pequeno porte na Bahia, que objetiva estimular o desenvolvimento das artes no estado. Promovido pela Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB), entidade vinculada à Secretaria de Cultura do Governo do Estado (SecultBA), o edital concede prêmios de até R$ 13 mil e abrange as áreas de Artes Visuais, Audiovisual, Circo, Dança, Literatura, Música, Teatro e Artes Integradas, com um aporte total de R$ 637 mil para apoiar no mínimo 49 projetos. Nesta 2ª Chamada do ano, o Calendário das Artes se volta a propostas que sejam iniciadas de 15 de outubro a 15 de dezembro. As instruções para participação e os documentos do edital estão disponíveis no sitewww.fundacaocultural.ba.gov.br/calendariodasartes.

Feito de forma calendarizada, com a finalidade de organizar as solicitações e a distribuição de recursos ao longo do ano, o Calendário das Artes se fundamenta na acessibilidade e ampliação do investimento na produção artística de toda a Bahia, considerando sua grande diversidade e dimensões territoriais. São priorizadas propostas oriundas e/ou realizadas em benefício de populações com menor acesso a produtos culturais e que privilegiem a diversidade cultural, envolvendo as mais variadas ideias de artistas, grupos e produtores, amadores ou profissionais.

Lançado em 2012, o edital foi concebido através de um processo de diálogo com a sociedade civil e requalifica o Calendário de Apoio a Projetos Culturais, que foi realizado entre 2008 e 2011. Em seu último ano, 2011, o Calendário de Apoio distribuiu R$ 563 mil para 64 projetos selecionados dentre 650 inscritos. Já o Calendário das Artes, somando as suas duas Chamadas de 2012 e a 1ª Chamada de 2013, disponibilizou R$ 1,742 milhão para a execução de 135 projetos, selecionados dentre um total de 2.639 inscritos, e oriundos de 70 municípios, contemplando todos os 27 Territórios de Identidade do estado.

Com avaliação dos projetos feita de forma territorializada e com os inscritos de cada Macroterritório da Bahia concorrendo apenas entre si, o edital busca abarcar propostas de todas as regiões do estado em quantidade igualitária. As comissões de seleção são específicas para cada Macroterritório e formadas, além de membros do Estado, por representantes locais e de diferentes origens dentro do estado, escolhidos através de consulta pública e a entidades artísticas e culturais das diferentes regiões. Também entre suas premissas pela democratização do acesso aos recursos disponibilizados, o concurso divide o Macroterritório 2 em duas categorias: 1) propostas oriundas de Salvador; e 2) propostas oriundas dos demais municípios do Macroterritório 2. Assim, atende à maior demanda oriunda da capital e garante maior competitividade das propostas dos outros municípios desta região. A previsão é de que sejam pelo menos sete projetos premiados de cada um dos seis Macroterritórios da Bahia e mais sete de Salvador.

O edital é aberto a Pessoas Físicas que residam na Bahia e tenham idade igual ou superior a 18 anos, brasileiros natos ou naturalizados, ou estrangeiros com permanência legalizada, e a Pessoas Jurídicas de Direito Privado, estabelecidas na Bahia e com atuação artístico-cultural definida em seu estatuto e/ou contrato social. Para se inscrever, o proponente deve preencher o Formulário de Inscrição, apresentando sua proposta, e enviá-lo via Correios, apenas por correspondência registrada ou serviço Sedex e com Aviso de Recebimento, para a sede da Fundação Cultural, em Salvador, conforme orientações descritas no edital.

Calendário das Artes recebe indicações para membros das suas Comissões de Seleção
Até o dia 8 de julho, cidadãos residentes na Bahia podem contribuir com indicação de profissionais para compor as Comissões de Seleção da 2ª Chamada do Calendário das Artes 2013. Com o objetivo de intensificar a democratização deste processo seletivo, a FUNCEB convida a sociedade para participar do procedimento de escolha daqueles que vão avaliar e selecionar as propostas inscritas. Para tanto, basta acessar a página do edital –www.fundacaocultural.ba.gov.br/calendariodasartes – e preencher o formulário digital disponibilizado.

É importante que os indicados tenham experiência comprovada na área artístico-cultural, para que sejam aptos a integrar estas Comissões. Ressalta-se ainda que, em cumprimento ao disposto na Lei Estadual 9433/2005, os membros das Comissões de Seleção e seus parentes de até 2º grau não poderão propor ou participar de projetos para o edital. As indicações recebidas serão analisadas pela Diretoria Geral da FUNCEB, que designará os membros para participar das referidas Comissões.

Calendário das Artes – Inscrições da 2ª Chamada de 2013
Quando: 21 de junho a 5 de agosto de 2013
Onde: inscrições via Correios, apenas por correspondência registrada ou serviço Sedex e com
Aviso de Recebimento (endereço de postagem descrito no edital)
Inscrições gratuitas
Informações: 71 3324-8505 (14 às 18 horas) | calendario.artes@funceb.ba.gov.br
Realização: FUNCEB/ SecultBA
Apoio: Educadora FM/ TVE Bahia/ IRDEB

------------------------------------------------------
Assessoria de Comunicação
Fundação Cultural do Estado da Bahia – FUNCEB
(71) 3324-8565/ 8566
asc.funceb@gmail.com
Paula Berbert – paula.funceb@gmail.com | (71) 9127-7803
Nivia Cerqueira – comnivia@gmail.com | (71) 8808-2446

FUNCEB AGENDA CULTURAL BAHIA


10/07/2013

7 Conto, A Comédia com o ator Luis Miranda


7 Conto, a comédia com o ator Luis Miranda
Dias 19 - 20 e 21 de julho às 20h
Centro de Cultura Amélio Amorim 
Ingressos à venda na bilheteria do Teatro: R$ 50,00 inteira e R$ 25,00 meia* 
*Apresentando carteira de estudante e comprovante de matrícula.


Release:

7 Conto – A Comédia, com texto e atuação do ator Luis Miranda (o Moreno do seriado “Sob Nova Direção” da Rede Globo, e um dos sucessos do Terça Insana), é um espetáculo que aponta, de uma maneira bem humorada, as diferenças do Brasil através de sete personagens completamente engraçados, todos criados pelo ator.
Luis Miranda coloca em cena todo o seu talento de humorista, fazendo o público rir e se identificar com os personagens. A direção é de Ingrid Guimarães, sua colega de elenco no seriado “Sob Nova Direção”.

OFICINA NATURA MUSICAL: COMO INSCREVER O SEU PROJETO NESTE EDITAL


Nesta oficina você poderá tirar suas principais dúvidas em como inscrever-se no Edital Bahia Natura Musical.
O edital está aberto até o dia 19 de julho e destinará R$ 1 milhão em  projetos com foco em música!
Participem!

Onde? Amélio Amorim
Quando? Dia 12 de julho de 2013 (sexta-feira) às 18h30
Entrada Franca

Veja regulamento do edital em www.naturamusical.com.br